4

5 atitudes que você deve evitar em uma reunião do trabalho

23/11/2015

Quando você vai participar de uma reunião de trabalho, na maioria das vezes bate aquele friozinho na barriga, não é mesmo? Para te ajudar a ter um bom desempenho nas próximas reuniões e também ajudar a melhorar sua “imagem” fizemos uma lista com algumas atitudes que você deve evitar. Vamos lá?

 

1 – Agradecer com “sem problemas”
Esta é uma expressão muito comum em nosso cotidiano, na maioria das vezes ela é usada para responder a um agradecimento. Porém, usar esta expressão no ambiente e trabalho pode não ser uma boa opção. Sabe por quê? Isso pode “diminuir” o valor de seu trabalho ou do favor que você realizou. A melhor saída nesse caso é substituir “sem problemas” por algo como “eu que agradeço”.

 

2 – Pedir desculpas em excesso
Pedir desculpas é uma atitude que mostra humildade, além de fazer com que você aprenda com seus erros. Entretanto, é necessário tomar um pouquinho de cuidado para não exagerar no uso da “desculpa”. Se você pede desculpas excessivamente, isso pode parecer que você é uma pessoa insegura e que não confia no próprio trabalho. Então já sabe, né? Peça desculpas quando realmente for necessário.

 

3 – Afirmar sua opinião o tempo todo
Se durante uma reunião você repete o tempo todo expressões como “em minha opinião” ou “no meu ponto de vista” pode ir parando por ai. Procure substituir estas expressões por argumentos válidos, assim você consegue agregar uma maior credibilidade.

 

4 – Usar gírias
A gente sabe que em nossa sociedade atual o uso de gírias é algo que já faz parte do povo, porém durante uma reunião “mais séria” procure não usar expressões muito coloquiais. Você não precisa ficar travado igual um robô, certo?

 

5 – Não manter o contato visual
Sabe aquelas pessoas que quando conversam não olham diretamente para você? Isso é bem desagradável, né? Quando você estiver em uma reunião, procure manter contato visual com seu chefe e com sua equipe, isso faz toda a diferença. Ah, tente não exagerar. Algumas pessoas ficam desconfortáveis quando se sentem “encaradas”.

 

Fonte: Universia